Destinos

San Blas

Pincel Verde

Top 5

Piscina de Estrellas
Snorkel na Isla Perro
Island Hopping
Conhecer a Cultura Kuna
Relaxar na Isla Chicheme Chico e Isla Pelicano
San Blas fica ao sudeste da costa do Panamá, fronteira com a Colombia. Possui 365 ilhas – uma para cada dia do ano! – e é considerado um território independente, governado pelos Índios Kuna.
Devido a forte preservação promovida pelos Kunas, San Blas (ou Kuna Yala) é um dos últimos paraísos intocados no Caribe. Corais intactos, fauna e flora preservados e águas turquesas sempre limpas vão fazer parte de uma das suas viagens mais inesquecíveis!
Valor: $$ a $$$ - leve dinheiro em espécie!
Quantos dias ficar: de 1 a 3 dias
Quando ir:

JAN

FEV

MAR

ABR

MAI

JUN

JUL

AGO

SET

OUT

NOV

DEZ

Com certeza San Blas foi um dos destinos mais turquesas que já visitamos, parece cenário de filme, sabe? Várias ilhotas, cada uma com areia branquinha, coqueiros, aquele mar turquesa maravilhoso, e o que eu mais gostei, são todas tão pequenas que em pouco tempo você consegue andar por toda ilha.

Neste Post vou abordar sobre tudo o que você precisa saber para organizar facilmente sua viagem por San Blas.  O que fazer nas ilhas, hospedagem –incluindo veleiro –, além de varias dicas preciosas, sempre colocando o preço de tudo, assim, vocês podem ter uma noção melhor e se programar direitinho!

Ah, caso queira ver mais destinos do Panamá, basta clicar aqui ou ali em cima no “Veja Também”!

O que fazer

 Sobre San Blas (Kuna Yala)

O arquipélago de San Blas, conhecido também como ilhas de Kuna Yala (e agora como ilhas La Casa de Papel devido ao seriado) é formado por cerca de 365 ilhas no Mar do Caribe, mas apenas cerca de 50 dessas ilhas são habitadas. 

O arquipélago é uma comarca indígena do Panamá com status de província, toda essa região pertence aos indígenas Kuna Yalas. O que deixa tudo mais interessante é que a região recebe interferência mínima do governo panamenho, sendo todo o comércio realizado apenas pelos indígenas, tem inclusive uma fronteira no meio da estrada até lá, então não esqueça seu passaporte!

O que fazer em San Blas, Panamá?

◆ Quais ilhas visitar? 

Há mais de 360 ilhas em San Blas, mas claro, algumas ilhas são mais conhecidas e com mais infraestrutura para os turistas mais famosinhas.

As ilhas mais populares são: Isla Perro, Piscina de Estrellas, Isla da Aguja, a Isla Perro Grande, Isla Fragata, Isla Pelicano, Isla Bidirdub, e a Isla Chicheme e Chicheme Chico (que fica uma de frente para a outra) . 

Os destaques ficam para a Piscina de Estrellas, um banco de areia cheio de estrelas do mar, para a Isla Perro (Isla Chico) que tem um barco afundado onde é possível fazer snorkel (leve o seu ou pelo menos um óculos de natação para conseguir ver), para a Isla Chicheme Chico (a irmã menor) que tem uma pequena faixa de areia rosada e por fim, para a Isla Pelicano, que é uma com a água mais turquesa!

 Minha dica é não se apegar ao nome das ilhas pois são todas deslumbrantes com água azul turquesa, uma faixa de areia branca e coqueiros…paradisíacas!
O que fazer em San Blas, Panamá? Barco naufragado
Isla Chichime

...Mas enfim, o que fazer em San Blas?

◆ Island Hopping 

Island Hopping traduz literalmente para “pular de ilha em ilha” e isso é basicamente o que tem para fazer em San Blas – e é por isso que nós amamos!

Algumas ilhas com infraestrutura, como a Isla Kuanidup oferece passeios com barqueiro para conhecer várias ilhas. O ideal é já sair da Cidade do Panamá com seu passeio ou barqueiro reservado para fazer este Island Hopping, se não corre o risco de você ficar “preso” em uma ilha apenas durante toda sua viagem!

Quem se hospeda em veleiro já faz um Island Hopping naturalmente, já que o veleiro vai navegando pelas ilhas (falo mais sobre a hospedagem em veleiro mais abaixo na parte “onde ficar”).

Algumas ilhas cobram entrada, cerca de 3 dólares por pessoa.

O que fazer em San Blas, Panamá? Veleiro

◆ Snorkel

Todo o territorio dos Kunas é extremamente protegido e bem cuidado, sendo assim, seus corais e vida marinha ainda estão totalmente conservados! 

Com snorkel você verá corais coloridos, várias estrelas do mar, peixes, arraias, lagostas, caranguejos e até polvos!

Veja com antecedência se seu barqueiro ou veleiro possui snorkel, caso não, leve um ou improvise com um óculos de natação, só não deixe de fazer, é imperdível!

◆ Conhecer sobre a cultura Kuna

Inevitavelmente você se conhecerá vários índios Kunas e verá parte de sua cultura. Eles são extremamente simpáticos, sorridentes e receptivos. O artesanato produzido por eles é muito bem feito e colorido.

Não perca a oportunidade de conversar com eles, aprender um pouco como vivem, o que comem e sobre seu artesanato, que realmente são bonitos!

Se possível, compre algum artesanato de lembrança ou comida vendida nos barcos que ficam navegando, é uma boa forma de incentivo, apreciação e ajuda 🙂

O que fazer em San Blas, Panamá? Indios Kunas
O que fazer em San Blas, Panamá? Indios Kunas, artesanato.

◆ Relaxar 

San Blas é sobre isso, relaxar, descansar e dar um tempo na vida maluca e cheia que levamos!

Pegue sol, caminhe pela ilha (em várias delas você dá a volta completa com 10 minutinhos de caminhada), se refresque no mar, deite em uma rede e tome uma água de coco. Você voltará de San Blas com a alma renovada!

O que fazer em San Blas, Panamá?

Quantos dias

◆ Quantos dias ficar em San Blas?

Recomendo ficar no mínimo 2 dias e 1 uma noite.  3 dias e mais já  começa a ficar entediante . Dois dias é o suficiente para aproveitar bastante as ilhas, fazer snorkel e relaxar.

◆ bate-volta para San Blas a partir da cidade do Panama

Fazer um bate-volta até San Blas é super possível e geralmente é o que os panamenhos fazem. A viagem para as ilhas de Guna Yala é longa e cansativa, ida e volta dura cerca de 6 horas.  

Os tours saem da cidade do Panamá por volta das 5 da manhã e volta cerca de 5 da tarde. Apesar de tudo, vale sim a pena.

O que fazer em San Blas, Panamá?

Quando visitar

◆ Qual melhor época para visitar San Blas?

O Panamá tem basicamente apenas duas estações: a chuvosa e seca. As médias anuais do país ficam entre 25ºC e 32ºC, muito calor, sempre!

Estacão Seca (recomendada)

A melhor época para se viajar ao Panama é durante os meses secos, entre Dezembro e Março. É nessa época que há mais turistas no país.

Logo, para quem prefere lugares mais vazios, preços melhores, e também temperaturas mais amenas, a estação chuvosa, que vai de Abril a Novembro, pode ser uma boa época para se visitar o país, já que apesar das chuvas, o tempo costuma abrir e o calor continua!

Captura de Tela 2021 01 12 as 00.13.00
Tabela do site TimeAndTable

Onde ficar

◆ Onde se hospedar em San Blas?

Há algumas poucas opções de hospedagem em San Blas e apesar de não ser nenhum bicho de 7 cabeças, não espere nada luxuoso como resorts, água quente ou mesmo sinal de wifi, tenha em mente que é um território indígena e tudo é administrado por eles. 

Somente algumas ilhas oferecem hospedagens. Algumas tem cabanas com banheiro, outras com banheiro compartilhado. A água é fria e geralmente salobra.

· Algumas opções de ilha para se hospedar

Isla Perro: a Ilha mais famosa para se hospedar, por isso também recomendo não se hospedar lá nos finais de semana, pois fica bem cheia.  Além de ser uma das ilhas mais bonitas, há também um barco naufragado, ótimo para quem curte fazer snorkel! 

Isla Coco Blanco: Esta oferece mais infraestrutura que as outras e sendo assim, a hospedagem sai mais cara. Outro ponto positivo é que a ilha é exclusiva para os hóspedes.

Isla Kuanidup: Outra opção mais roots, com cabanas de chão de areia batida e banheiro fora, mas com o bônus de ficar fora da rota turística, o que significa ilha mais tranquila e limpa! Aqui a hospedagem é feita tipo em pacote turístico, vendem a hospedagem + tours + refeição + barco até a ilha. Para mais informações, acesse o site oficial clicando aqui.

Isla Wailidup: Um dos mais novos hotéis é o desta ilha. A parte inovadora é que os bangalôs são sob a água…digamos que um pouco inspirados nas ilhas Maldivas, mas versão simplinha!

Isla Narasgandub Dummand: Uma ótima opção de hospedagem pois oferece uma boa infraestrutra ao viajante, com água fresca, refeições inclusas, passeios, snorkel, etc. Além do primeiro link, esta opção de acomodação sob a água também é bem interessante, clique aqui.

Isla Niadub: Cabanas simples, apesar da acomodação não oferecer muitas coisas, há um restaurante na ilha que com certeza quebra um super galho!

Há várias outras opções de ilha com hospedagem como isla Franklin, Mola Nega, Isla Chicheme, isla Corbiski, Isla Aguja, Isla Tigre.  Praticamente todas essas ilhas oferecem day-tours para conhecer outras ilhas, se informe na hora de reservar.

· Hospedagem em Veleiro (recomendada)

A melhor opção para se hospedar em San Blas é o veleiro.

Nós escolhemos esta opção e nos hospedamos no veleiro do Capitão Lorenzo, Italiano que já morou no Brasil por 4 anos e fala português fluente. Com ele tinha uma cozinheira francesa e sua cachorra Ímen, que deu um toque todo especial na viagem!

Se hospedar em um veleiro além de te trazer um conforto muito maior, te dá a possibilidade de visitar mais ilhas e também ilhas mais distantes, que não seria possível visitar em day tours.

Sem contar que ter o prazer de acordar ancorado no meio do mar, em um veleiro, pra gente foi muito especial.

Nós reservamos o veleiro com  Sailing Life Experience e tivemos uma ótima experiência. Tenho certeza que eles irão ajudar você a escolher o barco que melhor se enquadra no seu orçamento e no que você procura!

O que fazer em San Blas, Panamá? Veleiro. Veleje pelo Panamá!
O que fazer em San Blas, Panamá?

Além do Sailing Life Experience, você também pode reservar acomodações em San Blas – inclusive veleiros – pelo  Booking.com e também pelo Airbnb, duas empresas 100% confiáveis! 

Locomoção

◆ Como chegar em San Blas?

O primeiro passo para chegar em San Blas é chegar até a Cidade do Panamá, onde fica o aeroporto internacional mais próximo. Depois, você percorrerá 140km até o porto de Carti e de lá você vai pegar um barco que te levará para o passeio ou para sua hospedagem.

Para entrar no território Kuna você vai precisar de passaporte e de pagar uma taxa de 22 dólares por pessoas.

· Agência
Essa é a maneira mais comum de chegar a San Blas. Nós contratamos os serviços de uma agência para fazer este translado de ida e volta de San Blas. Sempre gostamos de fechar passeios com sites confiáveis para evitar dores de cabeça, uma empresa conhecida no país e bastantante recomendada é a go2sanblas.

Para quem prefere agências de renome  indico os passeios da GetYourGuide ou as experiencias do Airbnb.

A GetYourGuide oferece este passeio de  2 dias e este bate-volta aqui de 1 dia inteiro. Já o Airbnb oferece apenas bate-volta, clique aqui para ver.

Apesar de San Blas não ser longe da Cidade do Panamá, a viagem é longa e o caminho não é dos melhores. São 100km de estrada boa e 40 km de curvas e buracos. Para quem não se dá muito bem com curvas, tome um remédinho para enjoo antes.

A viagem de carro dura em torno de 2 horas e o carro vai te deixar em Cartí, porto de San Blas. Depois você pegará um barco.

O que fazer em San Blas, Panamá?
· Carro alugado + Barco:

Você pode chegar em San Blas com um carro alugado , mas precisa ser um carro grande, pois os Kunas não liberam a entrada de carros pequeno, então no mínimo uma camionete.

Ao chegar no porto de Cartí você precisará pegar um barco para fazer seus passeios ou para uma ilha que ofereça tours como a Isla Kuanidup

Sugiro que você já chegue lá com o barqueiro arranjado antecipadamente. Peça o contato de alguém de confiança na recepção do seu hotel, mas também é possível arranjar um barqueiro no escritório dos Kunas, que fica no porto (pode ser que em cima da hora saia mais caro).

Dica: Você pode pedir para seu barqueiro sugerir um roteiro e te levar nas ilhas que ele achar melhor, você pode escolher quais ilhas quer ir ou simplesmente pedir pra ele te largar em uma ilha e ir buscar depois. Ele te dirá se o roteiro escolhido por você é viável ou não, e juntos vocês irão montando um itinerário. 

Apesar de tudo parecer meio abstrato, não se preocupe, o barqueiro aparecerá no horário combinado para te buscar, esta é a principal fonte de renda dos Kunas e eles levam o trabalho a sério.

· Avião + barco:

Outra opção, mais confortável, mais rápida e também mais cara, é chegar em San Blas de avião. O voo sai da cidade do Panama, é feito pela Air Panama e pousa no aeroporto de El Porvenir, Guna Yala (PVE). A viagem dura cerca de 20 minutinhos e sim, o avião é teco-teco!!

Do aeroporto você deve pegar um barco para te levar até a ilha escolhida. Novamente, combine com o barqueiro seu horário de chegada e qual será o itinerário.

· Carro ou avião + barco + veleiro

Escolher um Veleiro para conhecer as ilhas de San Blas é uma opção super legal e diferente. Foi nossa escolha e super recomendamos!

Além de ser  uma experiência totalmente diferente, também é muito mais cômodo dormir no veleiro e fazer as refeições com seu anfitrião enquanto navega pelas ilhas.

Há veleiros de todos os tamanhos e para todos os bolsos e gostos. As viagens costumam durar cerca de 2 a 5 dias, mas você pode reservar por mais dias sem problemas. No passeio geralmente está incluso a hospedagem, refeições, bebidas, chuveiro de água doce e o capitão.

Não esqueça de ver com o capitão ou a empresa sobre o barqueiro que fará o translado do porto de Cartí até o veleiro! 

Nós viajamos com a empresa Sailing Life Experience e tivemos uma boa experiência. É como se fosse um booking/airbnb, só que apenas de barcos. Além disso, eles também organizaram o carro que nos pegou no hotel na Cidade do Panamá e também o barqueiro que nos levou do porto até o veleiro.

O que fazer em San Blas, Panamá?

Comida

◆ Onde comer  em San Blas?

Algumas ilhas possuem restaurantes ou lanchonetes bem básicas, mas são poucas, e como são poucas, há o risco da comida acabar, principalmente nos finais de semana.

Então a melhor forma de não ficar sem comida é levando um cooler com comidas, lanches, frutas, água, bebidas e mais o que quiser para se manter durante seus dias em San Blas.

Caso você esteja hospedado em um Veleiro, ele irá te prover comida.

Ah, sempre aparece barqueiros com caranguejos, lagostas e polvos para vender (super em conta), compre o que deseja e pague uma taxa no restaurante para os kunas cozinharem para vocês.

No veleiro compramos um carangueijo GIGANTE e a cozinheira fez para a gente, ficou simplesmente incrível, não deixem a oportunidade passar.

Dica: ouvimos por todos os lados que o carangueijo era muito mais gostoso que a lagosta!!

O que fazer em San Blas, Panamá? Indios Kunas
Onde comer em San Blas
O que fazer em San Blas, Panamá? Veleiro

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Roteiros

Pincel Bege

América do Norte

América do Sul

África

Oriente Médio

Destinos

Pincel Verde

América do Norte

América do Sul

Oriente Médio