Destinos

Varsóvia

Pincel Verde

Top 5

Castelo Real de Varsovia
Palacio da cultura e ciencia
Praça do Castelo
Praça do Castelo
Museu da Resistencia
Chamada de “Paris do Norte”, Varsóvia foi considerada umas das cidades mais bonitas do mundo até a II Guerra Mundial, mesmo bombardeada pela invasão alemã, em 1939, a cidade resistiu. Quando Varsóvia foi libertada pelo Exército Vermelho, 2 em cada 3 habitantes ou tinham morrido ou tinham sido deportados do país. A sua reconstrução foi minuciosa e contou  com ajudas de outros países.
O Centro Histórico de Varsóvia foi declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1980, é internacionalmente conhecida por ter dado o seu nome ao Pacto de Varsóvia e ao Tratado de Varsóvia.
Valor: $ - média diária de 150 reais, sem hospedagem
Quantos dias ficar: 2 a 3 dias
Quando ir:

JAN

FEV

MAR

ABR

MAI

JUN

JUL

AGO

SET

OUT

NOV

DEZ

Linda e vibrante, Varsóvia foi uma agradável supresa para nós. Devido a seu difícil e sombrio passado de domínio nazista e da ocupação soviética, esperávamos uma cidade fria e triste, mas o que encontramos foi totalmente o oposto – e foi um lugar que nos deu vontade de ficar um tempo a mais para conhecer a fundo!

Maior cidade e capital da Polónia, Varsóvia carrega um passado pesado, mas nada disso a impediu de se reerguer e ser hoje umas das cidades metropolitanas mais dinâmicas da Europa! Com tanta coisa interessante para aprender e conhecer, que tal marcar Varsóvia na sua lista de viagem?

Que tal conhecer em uma mesma viagem os países ali pertinho: Lituânia, Letônia, Estonia e Finlândia?

Mas enfim, o que você vai encontrar neste guia de Varsóvia? Encontre aqui que fazer na cidade, quantos dias ficar, melhor época para visitar, qual melhor bairro para se hospedar, onde comer, como se locomover por lá, e claro, dicas pessoais! 

O que fazer

Conhecer Varsóvia e seus principais pontos turísticos é sem dúvida uma viagem no tempo, não só para conhecer a história do país, mas também, uma história do mundo, como as grandes guerras e holocaustos que refletiram na capital polaca. Isso aumenta ainda mais a importância da cidade que carrega monumentos que tornam a visita, uma experiência única.

Veja os principais pontos turísticos!

1Castelo Real de Varsóvia

Símbolo da Independência da Polônia, o Castelo Real traz a história de Varsóvia e do país. Você pode visita-lo por dentro!As principais salas são: a Sala do Tribunal, onde os senadores trabalhavam; a capela, onde está o coração do herói polaco Tadeusz Kosciuszko; a Sala de Mármore, a parte mais antiga do castelo; o Salão da Assembleia, onde foram realizados grandes banquetes; A Sala do Trono e a Câmara do Conselho.

Os aposentos reais e as diferentes salas de uso comum estão decoradas com pinturas de monarcas e figuras históricas da Polônia, tapeçaria de Bruxelas, afrescos religiosos e pinturas com momentos decisivos da história de Varsóvia! 

Horário de funcionamento: Todos os dias (exceto segundas!) das 10h às 18h. Na sexta-feira funciona até as 20h. Preço: Ingresso geral custa zł30( cerca de R$ 40), na quarta – feira a entrada é gratuita.

O que fazer em Varsovia 40
O que fazer em Varsovia 57

2Praça do Castelo e Coluna de Sigismundo

Esta é a praça logo em frente ao Castelo Real e é ali o principal ponto de encontro da cidade. No centro da praça fica a Coluna de Sigismundo, um dos monumentos mais antigos de Varsóvia. Foi construído em homenagem ao rei Sigismundo III, que transferiu a capital da Polônia de Cracóvia para Varsóvia. 

Da Praça do Castelo, é possível ver o Castelo Real, o Rio Vístula e o Distrito de Praga, além de ter alguns bons restaurantes.

O que fazer em Varsovia 49 copia

3Distrito de Praga

Esta é a parte mais alternativa e moderninha da capital.  O bairro fica às margens do Rio Vístula, do outro lado do centro historico e durante  o que antes tinha uma aparência fria e perigosa, agora conta com coloridos grafites, galerias de artes e museus. Ah, não deixe de visitar a lindíssima igreja de St. Michael – o exterior é mais bonito que seu interior.

O que fazer em Varsovia 54
igreja de St. Michael

O que mais gostamos foi todo mundo aproveitando o verão, pegando sol nas pequenas “praias” que se formam na beira do rio, além de algumas feirinhas de comidas e artesanato que ficam por ali também!

Apesar do nome ser Praga, não há relação com Praga, capital da República Tcheca.

O que fazer em Varsovia 52

4Praça do Mercado

Epicentro de Varsóvia, esta é a área mais animada da capital. Aqui você encontrará inúmeros bares, lojas para comprar lembranças da cidade, artistas e músicos locais que exibem seus trabalhos. Além disso, a Praça do Mercado é considerada uma das melhores áreas para comer em Varsóvia.

O que fazer em Varsovia 45
O que fazer em Varsovia 55

5Warsaw Uprising Museum

Também conhecido como Museu do Levante, o local possui um acervo com mais de 800 objetos e 1.500 fotografias sobre períodos turbulentos da história polonesa. São registros que contam sobre a ocupação nazista até o regime comunista que assolou o país.  O museu utiliza recursos como sons, vídeos e até filmes com relatos de sobreviventes sobre esse período.

Fioca um pouco afastado do centro, cerca de 3,5 km. Você consegue chegar de uber ou ônibus

Horário de Funcionamento: De segunda, quarta e sexta é das 8h às 18h, quinta, das 8h às 20h. Já aos finais de semana, funciona das 10h às 18h e às terças, não abre. O local abre gratuitamente aos domingos, já nos outros dias a entrada custa 25 zloty por pessoa.

6Warsaw Barbican

A Barbacã de Varsóvia foi erguido em 1540 para proteger a Rua Nowomiejska. No século 17 defendeu a cidade da invasão sueca conhecida como Dilúvio. A fortificação foi severamente destruída durante a Segunda Guerra mundial, sendo reconstruída entre 1952 e 1954.

Hoje é o portão de entrada para a Cidade Velha!

O que fazer em Varsovia 71

7Palácio da Cultura e Ciência

O Palácio da Cultura e Ciência de Varsóvia tem 42 andares, 237 metros de altura e 3.000 salas. O local foi durante muitos anos o arranha – céu mais alto da Polônia e hoje em dia continua sendo o mais alto de Varsóvia. Achei o palácio lindíssimo e imponente, realmente se destaca e impressiona!!

Além de ser um ponto de referência na capital, é o símbolo da Varsóvia moderna. O Palácio abriga vários teatros, museus, cafés, um cinema e o posto de turismo de Varsóvia.

Mirante

Subir no mirante do Palácio da Cultura e Ciência de Varsóvia é uma visita essencial. Do mirante, situado no trigésimo andar do edifício, você terá as melhores vistas de Varsóvia. Um elevador te levará em questão de segundos a um salão de estilo gótico que conecta com o terraço mirante dos arranha-céus, a 114 metros de altura!!

No mirante você poderá descansar nas espreguiçadeiras, tomar café e desfrutar de uma vista panorâmica da capital.

Horário de funcionamento: Todos os dias das 10h às 20h. Visita noturna: Sexta e sábado das 20h às 23h. Ingressos: Adultocusta  ZL20 e crianças e estudantes custam ZL15.

O que fazer em Varsovia 30

8◆ Nowy Świat e igrejas

Uma das ruas mais animadas e agitadas da cidade, com dezenas de restaurantes de diversas culinárias como italiana, asiática e americana, cafés e fast Foods. Mesmo sem fome, é uma rua imperdível de se conhecer. 

Não deixei de visitar a incrível Igreja Santa Cruz e a Igreja Católica Romana dos Visitantes, no estilo barro construída em 1728.

O que fazer em Varsovia 35

Igreja da Santa Cruz

Além de andar pela rua e conhecer suas lojas e restaurantes, não deixe de visitar a igreja da Santa Cruz, um local interessante já que é ali dentro que podemos encontrar a coluna onde o coração do compositor Frederic Chopin se encontra.  Também há uma bonita homenagem ao papa João Paulo II, que era polonês.

O que fazer em Varsovia 38
O que fazer em Varsovia 22
Igreja de Santa Cruz
O que fazer em Varsovia 25
Igreja Católica Romana dos Visitantes
O que fazer em Varsovia 24
Nowy Świat

9Palácio Wilanow

O Palácio Wilanów é um lindíssimo edifício barroco que fica um pouquinho afastado da Cidade Velha. Construído entre 1677 e 1696 para ser a residência do rei João Sobieski III, o Wilanów também foi habitado por seus sucessores e também pelo rei Augusto II, o Forte. Sua estrutura sofreu danos durante a II Guerra Mundial, mas, felizmente, não foi destruído após a Revolta de Varsóvia.

Hoje, o palácio é um museu. Você verá os aposentos reais, obras de artistas polacos e estrangeiros além dos jardins que já valem da visita!

O que fazer em Varsovia 70
Ir de ônibus pode ser uma boa opção!

10Palácio Presidencial 

O Palácio Presidencial em Varsóvia, Polônia, é a elegante versão clássica de um edifício que está localizado na Krakowskie Przedmieście, uma das mais importantes ruas da cidade, desde 1643. Ao longo dos anos, foi reconstruído e remodelado muitas vezes

O que fazer em Varsovia 27

11Parque Lazienki e Palácio Łazienkowski

Para os viajantes que curtem passeios ao ar livre, este é o maior parque da cidade! Além de ter palácios, como Łazienkowski (que hoje abriga um museu!), que fica em frente a um belo lago, super fotogênico, você verá também a estátua de Chopin, pianista polonês mais importante da história.

Quantos dias

◆ Quantos dias ficar em Varsóvia?

O Centro Histórico é pequeno e facilmente percorrido a pé, o que pode ser feito em um dia. Caso queira curtir a cidade e conhecer com calma os principais museus e outros pontos turísticos, recomendo de dois a três dias, esses dias extras na cidade e pelos museus valem a pena!

Quando visitar

◆ Quando visitar Varsóvia?

A Polônia e Varsovia oferecem atrações tanto para frio quanto para o calor, então o ideal é escolher a estação e a experiencia que mais te agrada!

Frio: O frio vai de Outubro a Abril.

Varsóvia é uma cidade com inverno longo e temperaturas média bem baixas, chegando 4ºC negativos. Lembre-se que há poucas horas de sol e grandes chances de neve. Os meses mais frios são dezembro, janeiro e fevereiro.

Calor: O calor vai de final maio a inicio de Setembro.

Considere ir, entre maio e início de setembro, principalmente entre junho a agosto, quando as temperaturas são amenas (variação entre 9ºC e 14ºC em maio e setembro e entre 12ºC e 23ºC em junho e agosto) e os dias são bem longos! Para mim, esta é a melhor época para ir a Varsóvia.

Vasovia

Onde ficar

◆ Onde se hospedar em Varsóvia?

Confira um dos melhores bairros de Varsóvia para se hospedar enquanto aproveita sua viagem!

  • Srodmiescie (recomendo)
  • Praga Polnoc/Praga do Norte
  • Mokotov

Caso queira ficar próximo aos principais pontos turísticos de Varsóvia, a melhor opção é o distrito de Srodmiescie, que é onde está localizada a cidade velha. Se hospedando nessa região é muito fácil se locomover a pé para os principais pontos e também de chegar até o Palácio da Cultura e Ciência.

O que fazer em Varsovia 17
Srodmiescie proximo ao Palácio da Cultura e Ciência

Praga do Norte fica do outro lado do Rio Vístula, mas é um excelente opção para quem gosta de ficar hospedado em bairros históricos. É bem fácil atravessar para o outro lado da cidade, usando ônibus ou metrô.

O distrito de Mokotow é principalmente residencial e fica um pouco mais afastado do Centro. Ele oferece diversas opções de hospedagem para quem visita Varsóvia.

Entretanto, será necessário gastar um pouco mais de tempo e/ou dinheiro com o deslocamento. Por outro lado, as hospedagens são mais baratas e por ser um bairro mais residencial, também é tranquilo. Seria minha ultima opção.

Assim como o bairro de Praga do Norte, em Mokotow há uma quantidade bem pequena de hotéis e a maioria também é de apartamentos.

Para procurar hotéis que melhor se enquadram com você e sua viagem – orçamento, localização, etc. – utilize o Booking.com! Há um mapa com a localização e vários filtros para te ajudar a escolher a acomodação ideal. 

Além do Booking, também utilizamos o Airbnb quando queremos algo mais aconchegante que um hotel ou quando estamos em grupo.

Locomoção

◆ Como chegar em Varsóvia?

Avião

Não há voos diretos do Brasil para a Polônia. Então, para chegar a Varsóvia, será preciso fazer uma conexão em outro país europeu.

O aeroporto Frederic Chopin fica na cidadezinha de Okecie, um distrito de Varsóvia, a cerca de 10 minutos de carro, do centro da capital.

Ônibus

Para quem já está na Europa, chegar em Varsóvia por terra é algo bem simples. As rodovias dentro da Polónia conectam as nações vizinhas, como Alemanha e Eslováquia.

Nós chegamos em Varsóvia de avião, mas de lá viajamos para  Lituânia, Letônia, Estonia e Russia de ônibus. Recomendo!!

Trem

Em Varsóvia existem várias estações ferroviárias, sendo a mais perto do centro a Warszawa Centralna. Nesta estação chegam e partem trens para grandes cidades turísticas como Berlim e Moscou.

Para não ter problemas, é importante comprar as passagens com antecedência, garantindo assentos mais confortáveis e trechos mais rápidos.

◆ Como se locomover em Varsóvia?

A pé (recomendo)

Sem duvidas a melhor forma de locomover em Varsóvia, principalmente na Cidade Antiga! Alie caminhadas com bonde, transporte publico ou uber  para lugares mais distantes como outros bairros.

Ônibus

Funcionamento durante praticamente o dia todo, é uma boa opção para se locomover por Varsóvia! Os ônibus são vermelhos e amarelos e podem ser vistos em praticamente todas as zonas da capital, inclusive nos subúrbios. Embora, não seja um meio de transporte tão rápido quanto o metrô ou bonde, é bastante útil!

Bonde (recomendo)

O meio de transporte mais antigo e o mais prático para o dia a dia, principalmente para se deslocar pelo centro da capital. A rede de bonde de Varsóvia é composta por mais de 30 linhas que atravessam as principais avenidas e alcançam quase todos os monumentos e atrações turísticas. Ideal para quando as pernas e os pés dão aquela cansada no final do dia!

Metrô

O metrô em Varsóvia é um dos mais recentes da Europa e tem duas linhas: Norte e Sul e Leste/Oeste. É a forma mais rápida de se locomover por lá.

  • M1 (Norte e Sul) conecta o centro de Varsóvia e as proximidades da Cidade Velha com os bairros da parte norte e sul. Essa linha chega a várias atrações da capital.
  • M2 (leste e oeste) é a linha mais nova e não muito longa, mas é muito útil na hora de atravessar a cidade e visitar alguns pontos.
O que fazer em Varsovia 59
bonde de Varsovia
O que fazer em Varsovia 29 copia 2
a pé é a melhor forma de conhecer tudo
O que fazer em Varsovia 32
metrô

Quer alugar um carro para explorar Varsóvia ou a Polônia?? Alugue com a RentalCars, empresa que usamos sempre e recomendamos! 

Comida

◆ O que comer em Varsóvia?

Muitos pratos da comida polonesa tem repolho, batata e ovos, que geralmente são servidos cozidos. Gostei bastante de tudo o que experimentei por lá!

Ah, os poloneses gostam bastante de chás e vodcas, que são grandes aliados durante o inverno para ajudar a esquentar. Conheça alguns dos pratos típicos da região e delicie-se!

Pierogi

Talvez seja o prato mais popular da cidade. É uma espécie de trouxinha de massa, recheada com os mais diferentes ingredientes, que pode ser servido frito, cozido ou assado. Amei o frito e cozido!

Os recheios mais comum são batata, chucrute, queijo, carne moída e até mesmo frutas. O mais tradicional dos recheios é uma mistura de purê de batata com requeijão e cebola frita.

Após preparar a massa, ela é cozida e, depois assada ou frita. Por ser considerado o prato símbolo da Polônia, ele ganhou até mesmo um festival. A festa ocorre todos os anos, no meio de agosto, na cidade de Cracóvia.

O que fazer em Varsovia 12
Pierogi cozidos, meus favoritos!
O que fazer em Varsovia 15
Pierogi fritos do restaurante Zapieceki

Arengue

Um dos peixes mais comuns do mar Báltico. Ele é preparado com azeite e alho com creme de leite e cebola em conserva. O peixe é geralmente servido como entrada, acompanhado de uma dose de vodca polonesa.

O preparo desta iguaria da culinária polonesa não passa por cozimento em fogo. O arengue é colocado em uma espécie de salmoura e, depois, que ele é preparado para ser servido.

Goulash

Originalmente o Goulash é um prato típico húngaro, mas pode ser encontrado em praticamente toda a Europa Central.

Cada país adotou o prato ao seu gosto e, na Polônia, ele contém carne, tomate, cebola, pimentão e tempero à base de sal, alho, manjerona e pimenta. O acompanhamento pode ser de pequenas panquecas de batatas.

Kotlet Schabowy

Essa é uma das comidas típicas da Polônia é muito parecida com o schnitzel austríaco. O prato consiste em uma variação da costela ou lombo de porco à milanesa.

Atualmente, há até mesmo uma versão com frango. Os principais acompanhamentos para esta carne são batatas, repolho ralado e cozido e alguns vegetais, que podem ser beterraba cozida ou cenoura.

Sopa de Chucrute (Spaniak)

Há diversas comidas típicas da Polônia com repolho, mas esta, com certeza, é a mais famosa e mais tradicional. A Kapusniak ou sopa chucrute é uma delícia, especialmente durante os dias frios de inverno.

O chucrute nada mais é do que repolho ralado e fermentado. Após o preparo do chucrute, a sopa é feita com temperos diversos e pode levar cenouras e até mesmo alguns pedaços de carne.

◆ Onde comer em Varsóvia?

Zapieceki

Além de uma imersão total na cultura polonesa, com garçonetes vestidas a caráter, possui preços ótimos.

Foi nossa primeira refeição e restaurante da nossa viagem a Varsovia e aprovamos a experiência! Pedimos uma sopa tradicional polonesa de Sour Rye com cogumelos e salsicha grelhada.

O que fazer em Varsovia 37
O que fazer em Varsovia 39

Gosciniec Polskie Pierogi

Para te ajudar a entrar no clima de viagem ao passado que somente a cidade velha de Varsóvia pode te proporcionar, uma boa dica é experimentar os mais tradicionais pratos poloneses no restaurantes Gosciniec Polskie Pierogi!

Stara Szafa

Restaurante com comida polonesa servida em um ambiente totalmente diferente, meio típico da antiga polônia  com imobiliário todo vintage. Uma experiencia legal com uma comida excepcional!

Os pierogis custam a partir de 29 PLN e as sopas a partir de 14 PLN.

Praça do Mercado 

O que fazer em Varsovia 58

Na praça você encontra diversos restaurantes charmosos com mesinhas externas para curtir o coração da cidade velha! Escolha o que mais te agrada – ou que tenha mesinhas externas disponíveis!

O menu inclui comidas típicas e também uma culinária mais moderna. Nós pedimos apenas uma tábua de queijos e um vinho para curtir a tarde. O prato assinatura da casa é o “pato a la Barssa” que é cozido com maças, cranberries e molho de ameixa.

Nowy Swiat

Uma das ruas mais animadas e agitadas da cidade, com dezenas de restaurantes de diversas culinárias como italiana, asiática e americana, cafés e fast Foods. Mesmo sem fome, é uma rua imperdível de se conhecer.

O que fazer em Varsovia 35

Compartilhe este Guia!

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Roteiros

Pincel Bege

América do Norte

América do Sul

África

Oriente Médio

Destinos

Pincel Verde

América do Norte

América do Sul

Oriente Médio